quinta-feira, 23 de agosto de 2018

Novos Aprendizados...

Olá Corujinhas de Plantão!! Como vão vocês? 

Eu estou cada vez mais entusiasmada para compartilhar aqui no blog algumas experiências que estou vivenciando no curso de Design. É! Logo após a minha graduação em Pedagogia, resolvi arriscar meus conhecimentos e me deparei com a oportunidade de cursar Design que por sinal é um ótimo curso... Mas antes de tudo, quero avisar aqui que não me esqueci de vocês...

O Design e a Pedagogia tem algumas coisas em comum, a exemplo, o uso das cores pelas quais a vida fica bem mais alegre e divertida!!!! Por meio das minhas pesquisas, encontrei no blog Liberdade Web  uma postagem sobre a famosa Paleta de Cores!

Como todo Design e Pedagogo usam de muita criatividade em seus trabalhos, a Paleta de Cores é uma ferramenta para facilitar os estudos a respeito das mais variadas técnicas de desenho e pintura, misturando as cores até chegar ao tom desejado. Conferem esta postagem no blog Liberdade Web pois está muito bacana!

 Segue abaixo o link:

quarta-feira, 15 de agosto de 2018

e-book Coleção Educação Básica


Recentemente fui selecionada pela editora Plataforma Acadêmica para ter meu TCC publicado em um livro. Com grande alegria e satisfação posso compartilhar essa experiência com vocês Corujinhas de plantão. Quem quiser adquirir o livro subtitulado de Educação e Escola: Processos de Ensino-Aprendizagem, basta fazer a compra abaixo utilizando o PagSeguro. Fazendo a aquisição do volume ao qual está publicado meu TCC (Volume 2), estará recebendo gratuitamente os outros dois volumes.

quarta-feira, 4 de julho de 2018

As Práticas de Bullying nas Escolas Brasileiras


Olá Corujinhas de Plantão!!! Como vão vocês? Resolvi compartilhar aqui uma redação que fiz no cursinho Descomplica, cujo tema era "A Prática de Bullying nas Escolas Brasileiras". Estou muito feliz, quase 1000! Aliás super recomendo para quem tem o interesse de fazer Enem neste ano ou nos próximos. Mas vamos direto ao ponto, ou seja, logo abaixo compartilharei minha redação com o intuito de analisar este tema muito interessante, que além de ser uma possibilidade do Enem 2018, acontece constantemente por todo o Brasil e precisamos levar a sério. Vamos lá!!!

       Uma Boca Fechada para o Bullying, é um Sim Contra Si Mesmo.

 Na telenovela "As Aventuras de Poliana", de 2018, o personagem Luigi vive constantemente na própria pele como é ser vítima de bullying na escola em que estuda. Violentado por dois colegas de sala, o menino de doze anos em plena adolescência, ainda precisava lidar com a pressão dos pais ao ser interrogado várias vezes sobre como é seu dia a dia na escola. As interrogações alimentavam o medo e a angústia de Luigi ao ponto de querer sempre esconder dos pais e da diretora, o que passava na escola. No Brasil, nada é diferente em relação ao bullying. Várias são as vítimas que sofrem caladas por medo de serem mais provocadas pelos agressores. A luta contra o bullying precisa ser repensada e valorizada pelas famílias e pelas escolas.
 Em primeiro lugar, é preciso reconhecer o papel da escola em relação às práticas de bullying. A escola educa para a coletividade, por uma boa convivência entre todos. Segundo Martin Luther King, ativista político "A violência cria mais problemas sociais do que resolve". O bullying é considerado uma prática de violência, pois prejudica o caráter do agressor, ao mesmo tempo em que cala a liberdade de expressão da vítima.
 Na maioria dos casos, o bullying acontece nas escolas, mas pode ser combatido com a ajuda dos pais em casa. Para que isso ocorra de fato, é necessário que o ambiente escolar seja um local onde a vítima sente-se acolhida por todos e apoiada em suas decisões. Na novela Luigi esconde de seus pais a situação na qual aterrorizava-o todos os dias. Mesmo sem o conhecimento dos pais diante dessa situação, o isolamento de Luigi era sentido por ele até dentro de casa. Sem a compreensão dos demais, os problemas sofridos por ele agravavam-se cada vez mais na escola. Luigi usava de sua criatividade com filmes para esconder-se da real situação pela qual passava.
 Torna-se evidente, portanto, que as escolas tomem medidas inovadoras como exercer um projeto focado apenas para o bullying, com a presença das famílias das vítimas e dos agressores, juntamente com os próprios estudantes. Um exemplo seria fazer peças teatrais, onde os pais das vítimas praticariam bullying encenando com os próprios agressores, no sentido de conscientizar os agressores ao sentirem o que praticam na própria pele o quão ruim é ser vítima e diante da escola inteira. A mídia poderia ter uma parceria com as escolas, transformando essas peças num filme que será passado futuramente pelos professores do Brasil todo. assim será possível evitar que surgam novos agressores e vítimas pelo país.

O Bullying é algo real e bem complicado de lidar! Precisamos analisar quais são os motivos das vítimas e dos agressores e ter uma conversa direta com as famílias e escolas! Como educadores não podemos tapar o sol com a peneira e fingir que não acontece nada! Precisamos agir e logo!!

Então, para quem tiver o interesse sobre o tema, sugiro que pesquise e leia mais sobre o assunto. Aqui no blog procurei compartilhar com vocês a minha redação com o objetivo de ajudá-los a refletir um pouco mais sobre o Bullying. Espero que tenham gostado! 

Att,

Caroline Campesatto.

sexta-feira, 22 de junho de 2018

"Educação nunca foi despesa. Sempre foi investimento com retorno garantido." Arthur Lewis, economista britânico.

Como todos sabem, o conhecimento é construído ao longo dos anos e é por este fato que a cada novo amanhecer temos a oportunidade de  nos tornarmos cada vez melhores.  Peço um segundo da atenção de você caro leitor pelo questão do que realmente você adquire e absorve de conhecimento ao longo de um curso de graduação.
O início sempre é um pouco complicado: lugar novo, pessoas novas, professores novos, tudo parece novidade. Ao longo do período de faculdade, você vai se descobrindo e redescobrindo por tudo aquilo que aprende e pratica. Mas, muitas vezes, ficamos completamente atentos às provas e à grade curricular que raramente nos preocupamos com o que realmente estamos dispostos a aprender.
Somos capazes de mudarmos o rumo de todo nosso aprendizado!!
Esta experiência de publicar meu TCC neste livro que virá nos próximos dias, a alguns anos atrás nem passava pela minha cabeça... Eu só queria focar nas disciplinas, provas e trabalhos. Na época que fiz meu TCC, focava em passar e não em  publicá-lo futuramente.
Este ano passei por um processo seletivo para que meu TCC fosse aprovado pela editora. Quando recebi a notícia de que foi aprovado, fiquei emocionada e todas aquelas noites em claro, no trabalho (em tempo ocioso), e até nos intervalos das aulas, aproveitava para escrever o TCC. Não tive dúvidas do tema. É mais: além de todo o trabalho escrito, realizei uma pesquisa de campo em 15 escolas do município onde moro. Foi um desafio é tanto!!
Ufa! Chegou o dia da apresentação: estava mais nervosa impossível, mas consegui o tão sonhado 10 na apresentação oral. Passou-se um ano praticamente e cá estou eu, reativando este blog com esta maravilhosa notícia, não seria para menos hehehe. Para quem já passou pelo TCC, está passando ou vai passar: esforce-se muito! Não é aquele "bicho de sete cabeças" como dizem por aí... E através desta mensagem, desejo boas vindas a todos e tenho uma proposta:

Vamos juntos caminhar por esta jornada da descoberta do conhecimento? Tenho certeza que não se arrependerão!!!

Com grande satisfação e gratidão,
Carol Campesatto.

quinta-feira, 21 de junho de 2018

Publique seu TCC

Publicarei meu TCC "A Influência da Afetividade no Processo de Aprendizagem na Educação Infantil: Percepção de Professores de um Município do Norte Gaúcho" em parceria com a Editora Dialogar e Plataforma Acadêmica no Livro da Coletânea Educação Básica. Estou completamente ansiosa para a chegada do ebook, assim como, os livros impressos! Neste livro, vou falar sobre a questão da Afetividade na Educação Infantil por meio de uma pesquisa que realizei em 2017 por 15 Escolas Municipais de Erechim/RS. Em breve, estarei publicando o livro aqui no blog. Vocês vão amar!!!! Beijão corujinhas de plantão!